Em 2015 li a antologia organizada por Stephanie Perkins, O Presente do Meu Grande Amor e quando soube que uma versão de verão seria publicada fiquei bem animada para ler. Em Aconteecu Naquele Verão, apenas metade dos autores eu já conhecia então seis deles foram uma completa novidade para mim. Parte do que gosto sobre antologias é poder perceber o estilo de escrita único que cada autor tem, e descobrir como leitora qual deles me agrada mais. Esta antologia é bem diversa, em temas, personagens, histórias e até desfechos e fico feliz em constatar que gostei muito de oito das doze histórias, portanto minha classificação geral do livro é de cinco estrelas.

Dou uma enorme e despreocupada mordida na pizza proibida. É mais deliciosa que qualquer memória poderia sugerir. É que as memórias não trazem o modo como o molho de tomate gelado volta à vida quando seus dentes afundam na massa. O modo como a crosta gordurosa tem gosto de noite na casa de um amigo, de piadas internas, de ter hora marcada para chegar em casa. O modo como o queijo une tudo isso.

20170210_140837

Cabeça, Escamas, Língua, Cauda – Leigh Bardugo ★★★★★

Este conto iniciou muito bem a antologia. Narrado em terceira pessoa somos apresentados a Gracie, que acredita ter visto um monstro no lago da cidade. Junto com Eli ela tentará desvendar este mistério. Este conto tem uma aura veranesca ótima e a plot é bem original, e eu também amei o final.

O Fim do Amor – Nina Lacour ★★★

Os pais de  Flora estão se divorciando e parar escapar do caos que sua casa se tornou ela decide se inscrever em um curso de verão. O que ela não imaginava é que lá iria encontrar Mimi, sua antiga paixão. Este conto é bem adorável, assim como o relacionamento das duas garotas. Adorei a vibe de acampamento.

O Último Suspiro do Cinemorte – Libba Bray ★★★★

Que título incrível! Simplesmente amei o Cinemorte (e seu equivalente em inglês cinegore). Kevin e Dani trabalham em um cinema de horror vintage e Kevin está determinado a fazer o possível para deslanchar um relacionamento com Dani, já que está é a última noite do Cinemorte, mas o cinema sinistro ainda guarda algumas surpresas para eles. Amei a plot twist, o humor e até mesmo o clichê presentes na história.

Prazer Doentio – Francesca Lia Block ★

Este foi com certeza o pior conto do livro. Eu o odiei. Era tudo muito confuso e desconexo e eu não gostei dos personagens nem me conectei com eles. Este conto não teve nenhuma aura de verão e simplesmente não funcionou para mim.

Em Noventa Minutos, Vá em Direção a North – Stephanie Perkins ★★

Na antologia, O Presente do Meu Grande Amor, Perkins escreveu um conto maravilhoso e um dos meus favoritos do livro. E ela decidiu continuá-lo nesta antologia. Eu até havia mencionado na minha resenha que fiquei com gostinho de quero mais após a leitura do conto, mas eu não falava sério sobre ter uma continuação. Ficou muito estranho ver personagens que amam o inverno e tiveram uma história linda no conto do outro livro, frustrados com o calor e tendo problemas de relacionamento nesta continuação. Foi bem decepcionante.

Aquele abraço me transformou em papel outra vez, casca de ovo, vidro de açúcar e folha de outono. Como foi que não reparei nesse sentimento da primeira vez?

20170210_140849

Lembranças – Tim Federle ★★★★

É o fim do verão e o fim do relacionamento de Keith e Matthew. Este conto é bem melancólico, cheio de referências a Dickens e eu amei. Especialmente o fim (e a pizza).

Inércia – Veronica Roth ★★★★★

Eu achei que não fosse gostar deste aqui, mas eu estava errada. Quando Matt sofre um acidente Claire tem a chance de se despedir passando por um procedimento onde os dois se encontram em suas consciências através de suas memórias. Primeiro achei meio estranho essa coisa futurista (meio obvia para Roth) mas depois me apaixonei pelo conto, pela química e pelo relacionamento dos dois personagens.

Amor é o Último Recurso – Jon Skovron ★★★★★

Este conto tem uma certa “piada” no título que se perdeu por conta da traduçao. No original ele se chama “Love is the last resort” e a história se passa toda em um resort. Na minha cabeça este conto parecia um perfeito filme de verão, e eu amei a quantidade de personagens, cada um com suas próprias peculiaridades e amei que a narrativa muda de ponto de vista, e o fato de o autor conseguir encaixar isso em um conto foi incrível! E também adorei a surpresinha do final.

Boa Sorte e Adeus – Brandy Colbert ★★★

Rashida tem que lidar com a partida de Audrey, sua melhor amiga que está se mudando de cidade. Este conto foi um pouco diferente. Ele fala sobre outros tipos de amor e não apenas o romântico e eu gostei disso.

Nova Atração – Cassandra Clare ★★★★

Verão + Parque de Terror. Eu amei demais! Eu não sou uma super fã de coisas de terror, mas eu amei toda a aura sinistra, a descrição do Parque de Terror Itinerante Cheio do Sobrenatural, Irreal, Assustador e Grotesco. Amei os personagens e amei o desfecho.

A tristeza não foi embora, nem um pouco. Estava feliz e triste ao mesmo tempo. Pensei no que é o tempo, em como estamos sendo quebrados a cada segundo, perdendo momentos o tempo inteiro, como um bichinho de pelúcia que perde seu estofamento, até o dia em que ele se vai por inteiro e nós perdemos tudo. Para sempre. E, ao mesmo tempo, estamos ganhando segundos, um momento após o outro. Cada um deles é uma dádiva, até que no fim de nossas vidas estamos sentados em um tesouro de momentos. Uma riqueza além da imaginação. O tempo era as duas coisas de uma vez só.

20170210_141055

Mil Maneiras de Tudo Isso Dar Errado – Jennifer E. Smith ★★★★★

Annie trabalha em uma colônia de férias e está apaixonada por seu colega da classe de espanhol Griffin. Eu amei o desenvolvimento do conto, os diálogos foram incríveis e a plot twist também.

O Mapa das Pequenas Coisas Perfeitas – Lev Grossman ★★★★★

QUE CONTO INCRÍVEL. A plot é simples: sabe aqueles filmes em que a pessoa acorda é todo dia é o mesmo dia sempre? Um loop temporal? É exatamente assim que Mark está, preso no dia 4 de agosto de novo, de novo e de novo. Até ele conhecer Margareth. Eu amei tudo sobre este conto, o desenvolvimento, o desfecho, os personagens, tudo, tudo e mais tudo. Talvez este seja o meu conto favorito do livro todo. (E eu também adorei o hipercubo 4D).

Assim como na antologia de inverno, os casais das histórias estão na capa do livro e foi legal procurá-los conforme ia lendo as histórias. Aconteceu Naquele Verão tem de tudo, montanhas, lagos secretos, acampamentos, shows de rock, parques assombrados, colônias de férias, e até mesmo outras dimensões. É uma leitura leve e envolvente perfeita para ser lida nestes longos e quentes dias de verão.

Acompanhe o Prateleira de Ideias nas redes socias:

facebook | instagram | youtube | goodreads

Anúncios

2 comentários sobre “Aconteceu Naquele Verão (vários autores)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s