Se Naomi tivesse escolhido coroa, ao invés de cara, ela teria ganho e talvez as coisas tivessem sido diferentes. Ela não teria que ter voltado para buscar a câmera, e não teria batido a cabeça ao tropeçar nos degraus. Ela não teria acordado em uma ambulância com amnésia. Ela lembraria de muitas coisas, como seu namorado Ace e o por que de ela ter se apaixonado por ele, ela lembraria de seu melhor amigo Will e saberia o por que de ele chamá-la de “Chefe”. Ela saberia da nova família da mãe. Saberia da noiva de seu pai. Ela não teria que aprender francês de novo, porque esqueceu tudo. Ela não teria conhecido James, o garoto com um passado questionável e um futuro incerto, que diz à ela que já quis beijá-la. Ela não iria querer beijá-lo de novo. Mas Naomi escolheu cara.

Mas de vez em quando eu acidentalmente me via. No vidro do carrinho de comida, nas lentes do óculos de um dos médicos, na janela à noite antes das luzes serem apagadas. Por um momento eu nem entendia para quem eu estava olhando e iria instintivamente desviar o olhar. É feio encarar estranhos e era isso que eu era para mim mesma. Eu não sabia quem era a garota no vidro e ela não sabia quem eu era.

2015-11-22 15.51.12

Uau. Fiquei extremamente intrigada com esse livro. A premissa de perda de memória me atraiu muito, afinal sofrer um acidente e esquecer quatro anos da vida não é pouca coisa. Mas além disso o que mais gostei nesse livro é como ele tem várias camadas de história, personagens complexos e um desenrolar que me cativou até a última pagina. A começar por coisas básicas e mais visuais, amei a capa e o título do romance, Memoirs of a Teenage Amnesiac soa interessante ao ser dito em voz alta, soa misterioso. A capa remete uma  maquina de escrever, e aliás os detalhes de dentro que também são nesse estilo, são incrivelmente adoráveis e tem tudo a ver com a história.

Começamos o livro com Naomi, uma orfã russa adotada por um casal de escritores, já sem nenhuma memória dos últimos anos de sua vida, portanto a medida que as coisas das quais ela não se lembra vão aparecendo em sua vida o leitor é guiado junto por essas descobertas. Naomi percebe que suas atitudes atuais surpreendem as pessoas ao seu redor, prova de que seu comportamento pré-amnésia não era dos melhores, mas o que parece ser apenas um branco em sua mente acaba se provando ser na verdade uma segunda chance e uma forma de consertar as coisas.

A coisa que mais me preocupava sobre a escola não eram os estudos, mas as pessoas. Ao olhar para mim, ninguém nem pensaria que algo sério aconteceu, eu só tinha alguns roxos e arranhões, mas por dentro eu me sentia diferente. Eu me preocupava em não reconhecer as pessoas e em não agir da forma correta. Eu me preocupava sobre ter que explicar coisas quando eu mal entendia o que estava acontecendo. Eu me preocupava com todos os olhares sobre mim e sobre o que iriam dizer. Era por isso que eu tentava não pensar sobre como seria a escola.

O livro é dividido em três partes I was, I am , I will, que podem ser traduzidas para eu era, eu sou, eu serei. Na primeira temos o primeiro choque de Naomi com sua realidade sem memórias e com a pessoa que ela costumava ser, descobrindo que não quer mais agir da forma que as pessoas esperam. Na segunda parte há um desenvolvimento grande da personagem e na terceira parte há de certa forma as expectativas para o futuro.

Uma das coisas que mais gostei sobre este livro é que ele não é um young adult comum, Naomi possui três relacionamentos amorosos durante a narrativa, o que deixou um livro com um toque bem realista por dois motivos: primeiro que ás vezes é necessário mais de um relacionamento que dê errado até que se encontre a pessoa certa e segundo que às vezes as pessoas se apaixonam pela ideia do que uma pessoa é, pela ideia do que eles querem que aquela pessoa seja e depois acabam descobrindo que o outro não era bem aquilo. Gostei muito de perceber as diferenças entre os garotos por quem Naomi se apaixonou e os motivos que a levaram a gostar de cada um.

Você esquece todos eles. Mesmo os que você disse que amava, e mesmo os que era de verdade. Eles são os últimos a ir. E então quando você esquece o suficiente, você ama outra pessoa.

2015-11-22 15.53.33

A questão da família também é bem explorada na história, pelo fato de Naomi ser adotada, mas também porque seus pais se divorciaram e seguiram em frente. As reações e ações de Naomi para com esses fatos mostram como a personagem era antes da amnésia e como ela é agora.

Além de Naomi gostei muito de James e Will, personagens com personalidades e características completamente opostas. Will é o melhor amigo, sempre presente, com quem Naomi sempre pode contar, mas considerando que ela esqueceu os últimos quatro anos ou seja toda a amizade deles, as coisas estão complicadas. James é o perfeito garoto problema e também a primeira pessoa que Naomi vê depois de sua amnésia. Com seus contrastes, amei a construção destes dois personagens e a forma como Naomi age com cada um. A música é muito presente no livro, Will está sempre fazendo playlists para Naomi e no fim do livro todas as músicas mencionadas estão listadas, inclusive em um playlist extra feita pela própria Naomi.

Eu estava chorando um pouco pelo garoto que eu queria que ele fosse e pelo garoto que ele não acabou sendo. E eu estava chorando por causa da gravidade, ela me jogou das escadas e eu achei que pudesse significar alguma coisa, mas talvez seja apenas a direção que as coisas tendem a ir. Para baixo.

2015-11-22 1

O Sol estourou nessa foto, mas achei linda ❤️

Adorei este livro, adorei a escrita, adorei o desenvolvimento, adorei os quotes e me peguei imaginando como seria ter amnésia e esquecer quatro anos da minha vida. Adoro livros que são capazes de me transportar para a vida do personagem principal, livros que me fazem pensar. Adorei o fato de o livro ter coesão e acabar perfeitamente quando tinha que acabar. Por várias razões Memoirs of a Teenage Amnesiac é um cinco estrelas que merece muito ser lido.

Acompanhe o Prateleira de Ideias nas redes socias:

facebook | instagram | youtube | goodreads

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s