Meu interesse pelo livro me fez pensar em desconstrução do estereótipo de histórias onde uma pessoa descobre que tem câncer e há lições de vida e amor e blá blá blá. E de certa forma eu estava certa, mas não do jeito que eu esperava.

O que você pode dizer a uma pessoa que está morrendo?

2015-07-18 14.54.21

Greg Gaines é um cara qualquer, sua maior qualidade é ser engraçado despropositadamente. Ele tem um melhor amigo chamado Earl, no inglês o título do livro é Me and Earl and The Dying Girl, então presume-se que ele tenha alguma relevância na história. Ele e Greg fazem filmes juntos, mas nós já vamos chegar lá. Por fim temos Rachel, a garota que descobre que tem leucemia ou seja que está para morrer.

Uma das razões pelas quais eu li este livro, além do fato de que me empolgou a suposta desconstrução citada acima, foi o fato de que quase todos os comentários que li sobre ele foram positivos. Todo mundo gostou. E é aí que eu digo, eu não gostei! Não gostei! Apesar de tudo consegui entender o porque de tanto alvoroço, me parece que todo mundo que não gostou de A Culpa é Das Estrelas resolveu escolher este livro como seu novo queridinho, só para dizer que gosta de um livro sobre câncer onde você dá risadas ao invés de chorar. Não sou fã de comparações, até porque honestamente esses dois livros não tem nada a ver, em termos de escrita, de enredo, nada, em termos gerais apenas falam de câncer e impersonando o humor de Greg não é nem o mesmo tipo de câncer, então é uma comparação frívola.

Normalmente é quando sua guarda está baixa que você se flagra dizendo as frases mais babacas da sua vida.

O problema de Eu, Você e a Garota Que Vai Morrer é que ele não fala sobre nada. O autor (literalmente Greg, afinal é ele quem está escrevendo o livro) nos avisa que não há um romance épico por conta de uma doença trágica, não há um novo sentido para vida ou uma super mensagem tocante no fim e não há mesmo, mas também não há absolutametne nada. É vazio. Entendo como a narrativa conseguiu de certa forma se aproximar da realidade, afinal pessoas morrem todos os dias e nem sempre recobertas de glamour feito um filme de Hollywood, mas a vida também não é tão sem graça como retratada nesse livro, os personagens não acreditam neles mesmos então como o leitor pode acreditar em alguma coisa? É uma completa decepção.

Claro, há partes engraçadas, a escrita fluida do autor faz com que seja possível ler o livro em poucas horas e tudo é recoberto de uma linguagem jovial e descontraída, aliás recheada de palavrões, mas apesar de ter rido em alguns momentos achei essa palhaçada feita por Greg muito forçada, ele simplesmente não sabe agir socialmente e começa a falar qualquer besteira pra fazer os outros rirem, é irritante.

Na maior parte do tempo eu só odeio todas as pessoas que já fui.

Outro problema é que como eu disse o título em inglês cita também o nome do Earl que não aparece na tradução e isso indica que ele, ou melhor, ele e a garota que vai morrer, teriam alguma importância na história, mas todo mundo está apenas boiado em um grande aquário sem fazer nada. A parte sobre Earl e Greg fazerem filmes parecia promissora, e de fato rende partes interessantes da narrativa, muitas partes da narrativa são escritas em forma de roteiro por exemplo e surge então a ideia de fazer um filme para Rachel, mas… Bom não é o que eu esperava.

Tenho a impressão, por algum motivo, de que o filme vai ser melhor do que o livro, pelo menos me pareceu pelo trailer. Talvez outra razão para o sucesso deste livro, pelo menos nos EUA, seja o humor do livro que é como os desenhos nonsense que criticam a sociedade, mas este livro com certeza é uma versão banal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s