Fazia algum tempo que eu queria ler esse livro e quando vi o trailer do filme fiquei ainda mais curiosa.Mia é uma adolescente como qualquer outra, com sonhos, planos para o futuro, uma família feliz e um namorado que a ama. Tudo parece perfeito em sua vida, até o dia do acidente.

Às vezes você faz escolhas na vida, e às vezes as escolhas fazem você.

DSCF2199

DSCF2202

Poderia ter sido um dia normal como qualquer outro, um passeio em família, ir no show da Shooting Star a banda de Adam, seu namorado, e por fim também ir jantar na casa dos avós. Provavelmente foi a neve, é o que disseram, e daquele momento em diante a vida mudou. Mia está na neve e ainda consegue ouvir a música, Beethoven é o que esta tocando, ela pensa que esta tudo bem, até perceber o que acaba de acontecer.

Seu corpo esta sendo retirado dos destroços e cuidado por paramédicos, enquanto ela observa tudo de longe, sem sentir nada. Ela não sabe se morreu e não sabe como voltar para seu corpo, isto é ela não sabe se quer voltar. Na UTI todos os familiares e amigos torcem por sua recuperação, assim como Adam, mas ela ainda não sabe o que fazer.

Eu percebo agora que morrer é fácil. Viver é que é difícil.

Nas 24h seguintes Mia irá repassar inúmeros momentos em sua mente, desde o dia do nascimento de seu irmão, até o dia em que conheceu sua melhor amiga, e o quanto a odiava até se tornarem realmente amigas, ao dia em que descobriu sua paixão pelo violoncelo, até o dia em que percebeu que estava apaixonada e como isso foi inesperado e mudou muitas coisas nela.

E é isso mesmo, não é? É assim que conseguem sobreviver à perda. Porque o amor, que nunca morre, ele nunca vai embora, ele nunca desaparece, enquanto você ficar com ele.

Se eu Ficar é um dos livros mais dramáticos que já li e infelizmente ainda não consegui ver o filme, mas apesar disso devo dizer que fiquei muito *insira aqui um adjetivo que não de spoiler* com o final. É um livro bem curtinho, com quase duzentas páginas, então o filme pode ficar bem explorado nesses momentos que ela conta sobre a vida e tudo mais. Um dos meus personagens favoritos foi o Vovô. No geral achei a história muito real e tocante, e me identifiquei com a Mia em muitos momentos, tanto em seus momentos com Adam como em seus pensamentos sobre o futuro. Super recomendo e espero poder ver o filme logo!

Assistam o trailer  ♥

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s