Acordei pela manhã, ainda um pouco doente com o nariz fungando e um leve incômodo na garganta. Cumpri com a rotina matinal e preparei um café, coloquei-o na garrafa térmica para levar para a escola.

coffee3

No carro coloquei os fones de ouvido e liguei uma música calma do Ed Sheeran. Tudo estava perfeitamente comum e até um pouco ruim, considerando que eu estava indo para a escola, e sem nenhuma vontade de estar lá.

Mas algo diferente aconteceu nesse dia. O carro parou no sinaleiro e um carro branco emparelhou ao meu. Pausei a música.Uma mulher morena dirigia e ela falava com alguém no banco de trás, e foi quando vi. Uma menininha com os cabelos presos para cima falava rápido e apontava para algo fora da janela. A mãe se virou para frente outra vez e pude observar seus traços. Era muito bonita, com as feições bem delicadas, apesar de ser cedo ela estava muito bem humorada não demonstrava sinais de cansaço.

Olhei então para a menina, e percebi surpresa que ela olhava para mim também. Seus olhos curiosos estudavam meu rosto, e de repente ela abriu o mais lindo dos sorrisos. Foi instantâneo, eu sorri de volta, e sua boca pareceu se distender ainda mais. Ficamos ali naquele pequeno segundo infinito, e então o sinal abriu, o carro branco avançou e eu dei play de novo na música.

Por mais um pouco pude ver o carro se perder no mundo, e sorri internamente com aquele pequeno momento feliz, desejando o melhor dos dias, e o melhor da vida para aquela menina que me fizera tão feliz com tão pouco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s